Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Despertar da Mente

O Despertar da Mente

Vencerem-nos pelo cansaço!

Estamos a ser bombardeados  de negatividade!

Más  notícias, doenças, crises climáticas, crises financeiras  e não sei mais o quê!

Não  é  impressão.  É  mesmo realidade!

Aconteça  o que acontecer, daqui para a frente, saiba procurar momentos de solitude. De auto-equilibrio. De contato  com a natureza. Feche-se numa concha e só  deixe entrar quem (e o que) estiver em sintonia  consigo.

Estabeleça  limites. Não  tem gostar de tudo o que o rodeia mas também  não  é  obrigado a aceitar passivamente  tudo que se passa. Não  precisa discutir. Impor opiniões.  Basta afastar-se graciosamente. 

Filtre tudo: pessoas, conteúdos, palavras, ações, aquilo que observa em si e nos outros.  Entregue o que não lhe pertence sem julgamentos  mas dando-se o direito de não apreciar tudo! Escolha focar o que aprecia! O que lhe dá  alegria e vitalidade.

Faça da Gratidão  uma prática diária.  Todos os dias a vida nos dá  razões  para agradecer. Sejamos gratos mesmo em momentos  difíceis... ou mais ainda nestes momentos  difíceis...

Mesmo que no meio deste caos humano nada ainda nos faça  sentido, saiba que tudo tem um sentido muito maior. Que algo gigante se avizinha e estamos apenas na transição... nas dores de parto do nascimento  de uma promissora Nova Era.

Mais que salvar o seu corpo físico, lembre-se que o foco será  mesmo salvar a sua alma. A sua essência  divina. Não  deixe que o barulho lá  fora o impeça  de ouvir o bater do seu próprio coração.  Ele é  sábio 🦉. 

IMG_20230111_191215_734.jpg