Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O Despertar da Mente

O Despertar da Mente

Elogio assertivo e salário emocional

Na passada semana frequentei um workshop de gestão emocional e autoconhecimento onde se falou do papel do elogio assertivo e do salário emocional. São aspetos importantes em termos da habilidade social de nos relacionarmos uns com os outros e da motivação, especialmente no contexto laboral, e até em matéria de gestão de recursos humanos.

Comecemos pelo elogio assertivo. Elogiar alguém é: apontar, indicar, para a outra pessoa algum comportamento positivo, que te gerou bons sentimentos. Ao fazer isso, você mostra a outra pessoa que ela fez algo que te agradou e isso reforça a relação entre vocês (amizade, namoro, casamento, trabalho, etc.).

Habilidades Sociais – receber e fazer elogios – Dr. Bruno Marinho de Sousa

Mas elogiar alguém pode também soar a bajulação ou graxa, por isso, para que o elogio seja autêntico, observe alguns aspetos:

- deve ser sincero;

- deve ser verdadeiro;

- deve ser oportuno;

- não deve exagerar!

“Prefiro os que me criticam, porque me corrigem, aos que me elogiam porque me corrompem”, Santo Agostinho.

Por vezes, em recursos humanos quando se tem uma má notícia para dar ou uma conversa dificil usa-se também a técnica da sanduiche onde se alterna entre um elogio (comece sempre pelo positivo) e uma crítica (construtiva). Esta é uma forma de não irritar tanto o interlocutor e de o manter mais recetivo ao que temos para dizer.

Lobo 🏴‍☠️ on Twitter: "Salário emocional o caralho que vos foda.… "Quanto ao salário emocional...

Sim, você trabalha por dinheiro mas se nós investimos um terço das nossas vidas a trabalhar não podemos pensar apenas em termos económicos... não acha?

Então a pergunta: se retirar a parte económica, porquê que você trabalha? O que você retira disso?

Nada mais improdutivo que um funcionário infeliz, por esse motivo as empresas se querem reter os seus melhores talentos tem de pagar mais e tem de agregar algo mais... o salário emocional!

Oportunidades de carreira, um bom plano de saúde ou de reforma, horários flexiveis, dias extra de férias, apoio de creche, oportunidades de formação  e de aprendizagem, bom ambiente de trabalho são aspetos que podem contribuir para uma maior produtividade e motivação dos colaboradores de qualquer empresa.

Segundo a especialista em recursos humanos Marisa Elizundia, são 10 fatores-chave que servem para medir o salário emocional:

1- Autonomia - liberdade para gerir próprio horário ou tarefas.

2- Pertença- sentir que integra um grupo que o valoriza e aceita. Sentir satisfação e orgulho de pertencer aquela empresa.

3 - Criatividade.

4- Plano de carreira — ter um perspetiva de evolução na empresa.

5- Prazer — gostar do que faz e ter momentos de alegria e diversão no trabalho;

6- Dominar sua função — sentir que está cada vez mais proficente no que faz;

7-Inspiração — ter momentos em que olha para as tarefas, pessoas e empresa e cria novos procedimentos que o auxiliam no seu trabalho.

8- Crescimento pessoal — sentir que cresce como pessoa graças ao seu trabalho.

9- Crescimento profissional — sentir que teve vários momentos em que cresceu como profissional e expandiu as suas capacidades.

10- Ter um propósito — sentir que o seu trabalho contribui para os seus propósitos e para os da empresa.

Dá que pensar...

Naqueles dias "não"... cuide de si!

Quem não tem dias assim?!!!

Outrora eu não sabia o que fazer e deixava-me navegar nessa onda de mau-humor e pessimismo... Sentia-me impotente e sentia-me mal! Muito mal!

Nada podia fazer a não ser aguardar por um novo dia com a esperança que passasse e normalmente passava um pouco... Mas nos dias seguintes ou nas semanas seguintes aconteciam montes de contrariedades como se aquela energia ainda me perseguisse uns tempos... Como uma nuvem de negatividade.

Agora que me sinto mais informada e sobretudo mais experiente e sábia, sei que não tem de ser assim!

Agora sei que é possível transmutar pensamentos e emoções. Sei identificar melhor o que sinto e a partir daí identificar o tipo de pensamentos que estou a alimentar dentro de mim, e desenhar um dia totalmente diferente! 

Continuo a ter dias "não"... São é muito menos frequentes e muito menos intensos. E na verdade, já nem são dias completos! São umas horas, ou às vezes, apenas uns minutos.

Quando estiver num dia em que se sente esquisito... Cuide de si, como se fosse a sua melhor amiga ou o seu melhor amigo!

 Sem culpas ou vergonhas! Sem recriminações!

Mime-se! Mime-se muito!

Se lhe apetecer chorar um pouco, descarregar as frustrações - faça-o! Evite é estar um dia inteiro a chorar e a lastimar-se! Isso já é masoquismo!

E a certa altura desligue o complicómetro, interrompa o fluxo de pensamentos e de sentimentos pois permanecer muito tempo em baixa vibração vai atrair mais do mesmo... falo de negativismo.

Se escolher permanecer nesse estado de espírito, e essa escolha for consciente, prepare-se para nos tempos que se seguem receber o retorno...

Sim, nesses dias é fundamental dar atenção a si mesmo. Mimar-se com carinho, compaixão e tolerância. 

Evite tarefas complicadas ou exigentes. Evite tratar de assuntos tensos, reuniões stressantes ou ter conversas pesadas. Se tiver compromissos inadiáveis, terá que ser. Se poder adiar, faça-o!

Dou aqui umas sugestões de actividades que auxiliam a aliviar a tensão e a relaxar. Estas resultam muito comigo e terá de descobrir quais resultam consigo:

- tomar um banho de imersão (pode juntar sais, ervas aromáticas);

- beber um refresco, um gelado delicioso ou um chá;

- ir ver o mar, ou um jardim ou uma paisagem bonita e perder a noção do tempo a contemplar tanta beleza;

- Ouvir uma música boa e calma e relaxante. Experimente ouvir um mantra ou música boa para meditação- 741hz - é uma frequência excelente para atingir um bom nível de relaxamento e de paz interior. No youtube os recursos são ilimitados...

- veja um bom filme sem guerra, mortes e violência (séries cómicas ou filmes cómicos elevam sempre o astral);

- faça jardinagem ou inicie o seu jardim! Vá a um viveiro de plantas e escolha uma ou duas;

- cuide dos seus pets - escovar-lhes o pelo ou vá levá-los a passear - eles agradecem;

- cuide da sua beleza - fazer uma máscara facial, depilação, teste uma maquiagem, pintar as unhas;

- tenha uma caixa mágica - onde pode guardar imagens de metas que deseja alcançar e outras que alcançou. Se notar que a deprime, não o faça nesse dia!

Cuidar de si não é egoísmo!

Cuidar de si é criar boas fundações para ser uma pessoa equilibrada, alegre e cheia de energia.

As emoções são o nosso GPS. Elas ou ajudam-nos ou bloqueiam a nossa vida. Quanto melhor for capaz de as identificar e gerir, melhor se tornará a sua vida. 

Ao longo desta semana vou reflectir e partilhar um pouco alguns conhecimentos que adquiri e que vos poderá auxiliar a promover uma maior autoconhecimento e a gerir melhor as vossas emoções.

Hoje é o dia da criança. Todos temos dentro de nós uma criança. Vamos cuidar dela para que ela seja feliz e nos desbloqueie a vida para acedermos a níveis mais elevados de bem-estar e de auto-realização.

<3

 

Criança Interna.png