Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Despertar da Mente

O Despertar da Mente

A força dos sentimentos

Estou a frequentar mais um curso de autoconhecimento! E neste curso maravilhoso foi recomendada a leitura deste pequeno livro de apenas 26 páginas que vos incentivo vivamente a lerem de Maria Cristina Mildred.

A Força dos Sentimentos - Maria Cristina Milred - 1 P R E F Á C I O Eu  decidi escrever - Docsity

https://www.docsity.com/pt/a-forca-dos-sentimentos-maria-cristina-milred/4825813/

Acima tem o link para aceder ao conteudo.

Alguns tópicos que retiro deste livro:

- Os sentimentos negativos são a reação pavloviana aos estímulos exteriores, logo há que evitar reprimi-los. Devemos aceitar que se manifestem sem os julgar, ou seja, sem pensar se são certos ou errados;

- não é por aceitarmos os nossos sentimentos mais negativos (raiva, ressentimento, mágoa ou culpa) que vamos aceitar os comportamentos associados a estes. Por outras palavras, um estimulo causa uma reação afetiva, que por sua vez causa um comportamento, uma energia psicológica e um sintoma.

Por exemplo: Ana teve um acidente, na sequência deste sentiu um medo profundo, que a levou a deixar de conduzir e por fim a recusar-se a andar de carro. Essa situação causou desgaste e tinha um sintoma: uma fobia com carros.

Quanto mais tempo deixamos passar entre um estímulo e um sintoma mais demorada a recuperação.

- A vacina psicológica  AA-EE,consiste em agir deste modo: cada vez que nos depararmos com um estímulo negativo:

    - Analisarmos a nossa afetividade;

   - Aceitarmos os sentimentos;

   - Escrevermos num caderno os pensamentos e sentimentos;

   - Empregamos a energia psicológica para uma vida melhor.

Podemos ao analisarmos os nossos sentimentos, mudar avaliações negativas e ter uma visão mais otimista do que nos rodeia e até de nós próprios.

- É importante escrever porque o pensamento tem tendência para voltar ao que já foi condicionado.

- Devo aceitar os sentimentos mas os comportamentos provocados por eles não! É sobre os comportamentos que tenho de agir. No exemplo acima descrito, é normal ter medo na sequência de um acidente. Não devemos porém, deixar que esse medo nos domine ao ponto de desenvolvermos uma fobia.

- Em psicologia como na física "nada se perde, tudo se transforma" e se eu não souber aceitar os meus sentimentos normalmente eles vão manifestar-se sob a forma de sintomas e de doenças psicossomáticas. Os sentimentos não são eternos! São apenas manifestações  a estímulos externos.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.